Entrevista a Eduardo Oliveira e Sousa "Sem retorno os proprietários não cuidam."

Numa entrevista dada à Rádio Renascença e ao Jornal "Público", Eduardo Oliveira e Sousa, Presidente da CAP, explica como algumas das medidas tomadas para a prevenção de incêndios florestais, nomeadamente a limpeza obrigatória das matas e o arrendamento compulsivo, desencorajam e não beneficiam os Proprietários Florestais.

Entrevista a Eduardo Oliveira e Sousa "Sem retorno os proprietários não cuidam."

28 de julho de 2020 Outras Notícias

Numa entrevista dada à Rádio Renascença e ao Jornal "Público", Eduardo Oliveira e Sousa, Presidente da CAP, explica como algumas das medidas tomadas para a prevenção de incêndios florestais, nomeadamente a limpeza obrigatória das matas e o arrendamento compulsivo, desencorajam e não beneficiam os Proprietários Florestais.

Entre conversas, Eduardo Oliveira e Sousa defendeu a importância económica da fileira do eucalipto e frisou a necessidade de precisar "com números" a proposta do Estado de substituição dos rendimentos das plantações de eucalipto para quem as converter para carvalhos. 

Relembrou ainda que o problema da floresta é complexo mas que há um papel fulcral da indústria em "valorizar convenientemente os produtos florestais para interessar os proprietários a cuidarem do seu património. Os proprietários não cuidam porque não têm retorno."

Leia a notícia na íntegra aqui.

Relatório Anual

Newsletter

Subscreva à nossa newsletter