Webcast - Estrutura de alto nível da ISO

No passado dia 30 de Junho, o PEFC Portugal juntamente com a APCER, realizaram um Webcast para apresentar as implicações da possível alteração da estrutura da NP4406 para a estrutura de alto nível da ISO.

Webcast - Estrutura de alto nível da ISO

Com o objetivo de apresentar as implicações da possível alteração da estrutura da NP4406 para a estrutura de alto nível da ISO, foi realizado um Webcast no passado dia 30 de Junho que contou com a participação de 43 partes interessadas. O Webcast contou ainda com a participação do especialista internacional Dr. Nigel Croft.

Inerente ao processo de revisão da Norma Portuguesa para a Gestão Florestal Sustentável PEFC, surgiu a possibilidade de se alterar a estrutura da mesma mediante os novos requisitos do PEFC Internacional. O assunto foi inicialmente abordado na 1ª reunião da subcomissão 2 realizada a 7 de Janeiro de 2020 e discutido nos grupos de trabalho, ativos desde Maio.

Pretendeu-se com o Webcast esclarecer as partes interessadas envolvidas no processo de revisão, de forma a conciliar opiniões indo ao encontro de uma decisão a ser tomada por todos os participantes da SC2 sobre o assunto.

Este trabalho foi desenvolvido em parceria com a APCER (responsável pela coordenação do grupo de trabalho da revisão dos critério e indicadores da NP 4406) e em colaboração com o especialista internacional nas normas ISO, Dr. Nigel Croft, com a Altri Florestal, AFLOESTE, Celpa, Bosques do Conhecimento, Confagri, The Navigator Company e Forestis.

O Dr. Nigel Croft discorreu sobre as vantagens para mudança de alteração da estrutura de alto nível da ISO, ressalvando, nomeadamente:

- a harmonização e simplificação da linguagem;

- a capacitação dos auditores e eficácia das auditorias;

- o incentivo os pequenos proprietários da gestão florestal sustentável à autogestão, implementando o “PDCA” (PLAN-DO-CHECK-ACT). 

A Eng.ª Raquel Martinho (PEFC Portugal) explicou como a norma nacional tem que estar em uníssono com as normas internacionais do esquema para depois poderem ser adaptadas à realidade local e finalmente, reconhecida. Tal é verificado através dos documentos base fornecidos pelo PEFC Council, utilizados no processo de revisão nacional.

Foi apresentada a atual estrutura da NP4406:2014 por diversos oradores, nomeadamente:

- Requisitos do Sistema de Gestão Florestal Sustentável – Eng. Pedro Serafim

- Especificações para aplicação da Norma ao nível Regional e de Grupo - Eng.ª  Joana Mendes Godinho;

- Critério 1: Manutenção e aumento apropriado dos recursos florestais e o seu contributo para os ciclos globais de carbono – Eng. Francisco Goes

- Critério 2: Manutenção da saúde e vitalidade dos ecossistemas florestais– Eng. Miguel Serrão

- Critério 3: Manutenção e fomento das funções produtivas das florestas (lenhosas e não lenhosas) – Eng. Cláudio Heitor

- Critério 4: Manutenção, conservação e fomento apropriado da diversidade biológica nos ecossistemas florestais  – Eng. Miguel Serrão

- Critério 5: Manutenção e fomento apropriado das funções protetoras na gestão das florestas (principalmente solo e água) – Eng.ª Ana Catarina Manta

- Critério 6: Manutenção e outras funções e condições socioeconómicas – Eng.ª Vera Morais

Houve uma participação ativa de todos os presentes no debate sobre as vantagens e desvantagens da actual estrutura da NP4406 e da sua possível alteração de acordo com a estrutura de alto nível da ISO.

Esta reunião feita realizada remotamente perante a situação que actualmente vivemos face à pandemia covid-19 e contou com 43 participantes. 

O PEFC Portugal agradece desde já a todos os interessados e em especial a todos os que colaboraram e tornaram possível esta apresentação.

Todos os participantes no processo de revisão normativa, poderão aceder aos vídeos através da plataforma Microsoft Teams, ou entrando em contacto com a responsável.

Agenda

Relembramos aos estimados participantes da SC2 a importante reunião que irá decorrer no dia 3 de Setembro de 2020, onde se tomarão as devidas decisões deste tema para permitir a continuidade dos trabalhos da revisão da NP4406 de forma eficaz.


Newsletter

Subscreva à nossa newsletter